bigBonsai

Produtora de audiovisual
 

Problema: Montar uma equipe treinada, entrosada e criativa, com jovens estudantes de comunicação, para fazer a cobertura em audiovisual de um evento de um grande fabricante de produtos esportivos, com linguagem inovadora e jovem.

Prazo: uma semana para entrosamento, treinamento em técnicas e equipamentos e planejamento da cobertura.

Realização: Co-criamos com a equipe da bigBonsai um planejamento de treinamento que empoderasse os jovens para que eles mesmos pudessem desenhar e executar a cobertura.
Os jovens foram recebidos e tiveram o primeiro contato entre si dentro de uma oficina de improvisação aplicada, com o intuito de criar um ambiente de confiança e abertura, desde o princípio. Ao longo da semana, outras sessões foram incorporadas como parte do processo de criação.

Resultado: A criação do vínculo de confiança desde o início entre os participantes permitiu acessar a criatividade existente na equipe, promoveu a troca de ideias e a incorporação de sugestões ao produto final.

O acordo mútuo de colaboração propiciou parcerias durante a cobertura do evento e permitiu que todos se colocassem a serviço do resultado.

 

Guide Life

Planejamento Financeiro

Problema: Criar um espírito de equipe e pertencimento em um grupo de consultores sêniores recém-reunidos pela fusão de duas empresas distintas, a fim de prepará-los para um processo de co-criação de propósito e branding.

 

Realização: Em função dos deadlines apertados, realizamos uma única oficina de improvisação aplicada, com o intuito de ampliar a escuta e a comunicação entre os participantes.

 

Resultado: O processo de criação teve início no dia seguinte à oficina e mostrou uma evolução substancial nas relações entre os participantes. O processo foi concluído com sucesso e fomos contratados para participar da co-criação de treinamentos junto à empresa.

 

Inesplorato

Curadoria de Conhecimento
 

Problema: Estimular a criatividade e a ousadia entre os curadores da equipe.

Realização: Em uma única oficina de improvisação aplicada aberta a todos os colaboradores, estimulamos a espontaneidade e a prontidão para respostas e refletimos sobre valores pessoais que conduzem nossas respostas individuais.

Resultado: Colaboradores tiveram insights sobre sua resistência a explorar novos territórios para além de sua zona de conforto e costume. Aprofundaram vínculos que estimularam posteriormente a troca de experiências e de referências.

 

Instituto Tellus

Agência de Design de Serviços Públicos

Problema: Os coordenadores do Instituto Tellus estavam interessados em investigar e proporcionar a troca de conhecimento acerca de alguns temas protagônicos dos desafios que suas equipes estavam enfrentando. Dentre eles:

  • Prototipar soluções (fazer rápido com o que temos na mão);

  • Intra empreendedorismo;

  • Postura e improviso em apresentações de projeto com cliente;

  • Liderança e integração de equipes.

Realização: Durante uma tarde, realizamos uma palestra sobre a relação entre a improvisação (mindset do improvisador) e o mundo que chamamos de VICA (Volátil, Incerto, Complexo e Ambíguo. Em seguida experimentamos alguns exercícios que permitiram aos participantes treinar uma nova postura diante dessa realidade. Ao final, facilitamos um momento de troca de conhecimentos e de construção coletiva sobre dos temas protagônicos brifados pelas lideranças do Instituto inspirado na metodologia do Art of Hosting.

Resultado: A filosofia e os exercícios de improvisação proporcionaram novos insights sobre os temas protagônico e também criaram um ambiente encorajador para a troca de conhecimentos,  produzindo novos saberes e possibilidades de prática para a equipe Tellus.

 

Maker Brands

Consultoria de Inovação
 

Problema: Fomos convidados a ajudar na condução de um grupo formado por diferentes áreas de um grande fabricante de bebidas, reunidas para desenvolver produtos que atendessem novos requisitos de mercado.

Realização: Inserimos oficinas de improvisação aplicada no início de cada dia de atividade, para criar o campo de cooperação, e também em momentos-chave do processo de criação, como estímulo para ideias novas e criativas.

Resultado: Os envolvidos sentiram que todos tiveram voz no processo e foram derrubadas ou atenuadas as barreiras existentes entre as áreas da empresa. Nos processos de criação, a crítica foi reduzida e houve espaço para que emergissem as melhores ideias.

Maker Brands

Consultoria de Inovação
 

Problema: Fomos convidados a ajudar na condução de um grupo formado por diferentes áreas de um grande fabricante de bebidas, reunidas para desenvolver produtos que atendessem novos requisitos de mercado.

Realização: Inserimos oficinas de improvisação aplicada no início de cada dia de atividade, para criar o campo de cooperação, e também em momentos-chave do processo de criação, como estímulo para ideias novas e criativas.

Resultado: Os envolvidos sentiram que todos tiveram voz no processo e foram derrubadas ou atenuadas as barreiras existentes entre as áreas da empresa. Nos processos de criação, a crítica foi reduzida e houve espaço para que emergissem as melhores ideias.

 

Farmaceutica

Pesquisa e Desenvolvimento em Biotecnologia

Problema: A empresa constrói periodicamente encontros que chama de Staff Meetings. São momentos em que diversos colaboradores se reúnem para falar de temas protagônicos, resultados, estratégias e principalmente reforçar os valores da empresa. No encontro em questão, a equipe gerencial tinha como foco abordar a postura para inovação, retenção e senso de pertencimento.

Realização: Em um encontro de 3 horas com 170 colaboradores, elaboramos uma palestra intercalada com exercícios práticos, onde os participantes puderam conhecer e praticar os princípios da Improvisação Teatral, bem como reconhecer sua aplicabilidade no ambiente corporativo. Em seguida, desenvolvemos uma vivência com base nas metodologias de Storytelling e Art of Hosting, onde os participantes puderam praticar principalmente habilidades de comunicação, escuta e empatia. A experiência foi construída a partir do compartilhamento de histórias e valores que os unem, favorecendo diretamente os vínculos e o senso de pertencimento coletivo.

Resultado: "Os processos de brainstorming e criação de soluções para os clientes estão em outro nível de produção desde que fizemos o Staff Meeting com a RIA."
 

Ana Rita Aguilar, Customer Relationship Manager

 

Toscana

Empresa de Call Center

Problema: Percepção de grande divergência entre o atendimento que o cliente recebia nas lojas físicas e o atendimento ao ligar no Call Center (seja para falar com o SAC ou área de Cobrança). Como atender de forma humanizada quando existe um "script" estruturando a interação via telefone com o cliente?

Realização: Dentro do programa de humanização do atendimento criado pela própria empresa, elaboramos uma intervenção de palestra interativa apoiada em alguns dos princípios da improvisação (escuta ativa, aceitar as ofertas, capacidade empática e conexão com o cliente). Os participantes puderam levantar alguns desafios reais que enfrentam nas ligações e praticar soluções mais adequadas de forma leve e divertida em um ambiente protegido de julgamentos.

Resultado: Os participantes foram sensibilizados de forma positiva em relação ao tema. A partir da experiência do evento, a equipe obteve maiores informações para dar continuidade ao treinamento interno, apoiando-se em uma linguagem "comum" a todos que estavam presentes na experiência. 

 
  • Black LinkedIn Icon
  • Black Facebook Icon